Programa de Preservação da Memória Social

Gramáticas e Dicionários


Apresentação


As obras incluídas neste acervo são gramáticas e dicionários publicados entre os anos de 1793 e 1922. O objetivo foi o de reunir um conjunto de obras cujos valores científicos e históricos são inquestionáveis para a história das línguas bem como para a pesquisa em áreas como a Linguística, a Lexicografia e demais áreas que lidam com os estudos da linguagem. Este acervo está organizado em cinco grupos: (i) Dicionários de Língua Portuguesa; (ii) Dicionários Especiais e Dicionários Especializados; (iii) Gramáticas e Manuais de Língua Portuguesa; (iv) Dicionários Bilíngues e; (v) Gramáticas de Línguas Estrangeiras.

O primeiro grupo - Dicionários de Língua Portuguesa - está composto por representativas obras como, por exemplo, o Diccionario Contemporaneo da Lingua Portugueza (1881) em dois volumes; o Novo Diccionario da Lingua Portugueza - seguido de um Diccionario de Synonymos (1859) em dois volumes e o Grande Diccionario Portuguez ou Thesouro da Língua Portugueza (1872) organizado em cinco volumes.

O segundo grupo - Dicionários Especiais e Dicionários Especializados - divide-se em dois subgrupos: (i) o primeiro abrange dicionários de sinônimos, de verbos, ortográficos, entre outros, como, o Diccionario de Synónymos da Lingua Portugueza (1899); o Diccionario dos Verbos Irregulares da Lingua Portugueza (1880) e o Diccionario Prosodico de Portugal e Brazil (1895). O segundo subgrupo possui apenas um título, o Diccionario Grammatical de João Ribeiro (1906). Trata-se de um dicionário de termos da gramática o que o caracteriza como um dicionário especializado. Os dicionários especializados são aqueles específicos de uma determinada área do saber, técnica ou científica.

O terceiro grupo reúne tanto gramáticas de caráter histórico, descritivo, expositivo, quanto diferentes tipos de manuais de língua portuguesa. Este acervo está composto por relevantes obras como: Brasileirismos de Collocação de Pronomes: resposta ao Snr. Candido de Figueiredo de autoria de Paulino de Brito, publicada em 1908 e; A Língua Portugueza: noções de Glottologia Geral e especial portugueza de Francisco Adolpho Coelho (1881).

Os quarto e quinto grupos reúnem obras de línguas estrangeiras. O Grupo IV contempla dicionários bilíngues nos pares de línguas português-latim e português-francês, tais como: o Grand Dictionnaire Contemporain Portugais-Français (1918) e o Novissimo Diccionario Latino-Portuguez, redigido segundo o plano de L. Quicherat e publicado em Paris. O Grupo V é formado por uma gramática de grego escrita em língua francesa - Nouvelle Grammaire Grecque - publicada em 1885.

O presente acervo, pertencente à Biblioteca Digital da UNESP, cumpre, assim, dois importantes objetivos: o de preservar a memória das línguas por meio da conservação de obras relevantes para sua história e o de abrir um espaço que poderá servir a inúmeras pesquisas no âmbito da linguagem.

Collections in this community